invitation
Saudações, visitante! Neste momento, você se encontra no Hishoku no Sora, um blog pessoal sem fins lucrativos. Aqui se fala de tudo um pouco, então fique à vontade!
A versão atual é inspirada no filme Corpse Bride, de Tim Burton - estrelando a protagonista Emily ♥

something blue
Kawasumi Shana, 24 anos e contando +1 todo dia 7 de fevereiro - logo, sou toda aquariana. Adoro música, mangás, animes, filmes e livros. Odeio insetos, injeções e filmes de terror, sou criativa e contraditória, possivelmente tenho um parafuso a menos - mas juro que sou legal. Ou não. more?

something borrowed


Follow

something new

something old

you may kiss

 
Hishoku no Sora
Google Chrome | 1366x768
Ócio Produtivo
Olá, olá, queridos leitores! Depois de anos luz, consegui um pouco de tempo livre - e cabeça, haha - pra compartlhar algo com vocês. ♥ Primeiramente, gostaria de começar explicando um pouco o porquê do sumiço: minha vida virou de cabeça pra baixo nos últimos meses, e em muitos sentidos. Eu vou pular a parte dramática, e resumir contando só os resultados: estou morando sozinha (hell yeah!), estou prestes a mandar uma proposta de pesquisa e meu campus está em greve. Não vou ficar discutindo política e posicionamento aqui, porque cada um tem sua opinião, mas posso afirmar que o semestre mal acabou e eu já vi e vivi coisas pra contar pros filhos durante uma vida inteira, hahaha!
Vale ressaltar que, apesar da greve, meu tempo ocioso parece que diminuiu consideravelmente. Porém, contudo, entretanto, tive contato com algumas coisas bem interessantes, e vou compartilhar com vocês. :D


O caso laura é um romance policial de tintas sobrenaturais que conta a história de um detetive particular contratado para investigar os encontros que Laura mantém com um homem misterioso. Inicialmente, as gravações das conversas da protagonista com o estranho não revelam nada de espetacular; mas quando o investigador passa a seguir o enigmático sujeito, intrigantes revelações vão levando a narrativa a um desfecho surpreendente.
(Retirei daqui)

Surpreendente, essa é de fato uma boa palavra para definir "O Caso Laura", de André Vianco. Publicado pela Editora Rocco, já estava na minha lista de preciso-ler-isso fazia algum tempo, mas a baixa renda nunca permitiu, hahaha! Logo, encontrá-lo nas prateleiras da biblioteca da Unesp foi tão emocionante quanto tê-lo em mãos e folhear as primeiras páginas.
Como todo livro do André, o começo é meio parado, como se você tivesse pego um filme pela metade. No entanto, a cada página, as pequenas pecinhas de um enorme quebra-cabeças vão se juntando, nos envolvendo mais e mais na trama. André faz com que sejamos mais do que meros leitores em sua narrativa: de alguma forma, nós fazemos parte daquilo tudo, ainda que indiretamente. O estilo dele parece ter-se aprimorado, e, embora ligeiramente diferente do autor que escreveu a saga dOs Sete, posso dizer que não perdeu o charme. Claro, estamos falando do meu autor favorito aqui, então pode ser só minha fangirl-isse, hahaha! 
Fiquei bem chocada com o final. De todos os livros que li dele até hoje, posso dizer que esse foi, de fato, o mais surpreendente! Eu definitivamente não esperava, e posso dizer que gostei bastante dessa tirada de mestre dele. Acredito que um leitor que nao tenha acompanhado a historia do autor ficará ainda mais surpreso do que eu! Por fim, minha opinião final é a seguinte: este livor é genial, uma leitura gostosa e emocionante. Vale super a pena!
Não recomendo esse livro para pessoas de coração fraco, pois vivi muitos momentos de tensão com ele - é de tirar o sono, hahaha! Mas se você já conhece o André, ou gosta de um livro de horror/suspense, esta é uma boa pedida. Fica-a-dica para os leitores! :D



Aladdin é um filme estadunidense de 1992 do gênero musical, produzido pela Walt Disney Feature Animation e distribuído pela Walt Disney Pictures. Foi o 31º filme animado da série de clássicos da Disney e fez parte da era conhecida como Renascimento da Disney. O filme foi dirigido por John Musker e Ron Clements, baseado no tradicional conto árabe Aladim e a Lâmpada Maravilhosa, contido em As Mil e uma Noites. O elenco de dubladores é composto por Scott Weinger, Jonathan Freeman, Robin Williams, Linda Larkin, Frank Welker, Gilbert Gottfried e Douglas Seale.

(Retirei daqui)

Ok, vocês já devem ter ouvido falar de Aladdin, certo? Certo, então não precisamos de uma sinopse detalhada, hahaha! Bem, bem... Que todos os filmes da Dinsey são puro amor, a gente já sabe. Mas durante o pouco tempo ocioso que tive, optei por dar mais uma olhada nos clássicos da minha infância, e preciso dizer: me apaixonei perdidamente por esse filme. As músicas são deliciosas, a arte é muito bonita e a trilha sonora... bem, é level Disney, vocês sabem como é. Mas vale dizer que assistindo hoje, já uma quase-adulta, tive uma visão muito diferente do filme. É algo que recomendo aos leitores, vejam os filmes da nossa infância (ou da sua, se nossa faixa etária for assim discrepante) novamente! É bem cômico logo na primeira música ouvir que a noite da Arábia "Tem belo luar e orgias demais", mas você consegue superar isso, hahaha!
Aladdin tem músicas contagiantes, personagens carismáticos e de personalidade bem definida - Jasmine é um símbolo de força feminina, posso dizer! - e muitas, muitas cores. É uma delícia, até o último minuto, e digo de novo que vale a pena conferir!


Vampire Princess Miyu - OVA - Original Soundtrack
Se tem uma coisa que eu gosto de recomendar, é música boa. E música boa, meus caros, nem sempre precisa ter cantor ou mesmo letra. Esse é o caso da OST de Vampire Princess Miyu - e, nesse caso, do OVA. Assinada pelo compositor Kenji Kawai - responsável pela trilha sonora de títulos como Gantz e Ghost in the Shell -, a trilha de VPM é puro amor. Embora esteja me referindo especificamente às músicas do OVA, posso afirmar com toda a certeza que as músicas do anime também são high level - só não digo lvl Disney porque estamos falando de um anime de horror, vejam bem. Dá pra notar uma forte presença do estilo dos anos 90 aqui, enquanto alguns elementos nos fazem pensar imediatamente na cultura oriental. Com um misto de culturas, ritmos e instrumentos variados, Kenji fez um trabalho maravilhoso, que vale mais do que a pena escutar!
Para os interessados, é possível baixar o Soundtrack completo nesse link.


Bom, pessoal, isso não é nem metade do que eu gostaria de compartilhar, mas por hoje eu fico por aqui. Espero que possam se divertir com as dicas e, claro, me perdoar pelo sumiço. :P Um beijo a todos e até a próxima! o/

Marcadores: , , , ,


By Shana • domingo, 2 de junho de 2013 • 0 ComentáriosLink to this post


«older newer»