Come closer


Saudações, visitante! Neste momento, você se encontra no Hishoku no Sora, um blog pessoal sem fins lucrativos. Aqui se fala de tudo um pouco, então fique à vontade!
A versão atual é inspirada na música "We Don't Talk Anymore", ilustrada por Jimin e Jungkook (BTS).

Home Me Blog Links

Talk to me
Kawasumi Shana, 24 anos e contando +1 todo dia 7 de fevereiro - logo, sou toda aquariana. Adoro música, mangás, animes, filmes e livros. Odeio insetos, injeções e filmes de terror, sou criativa e contraditória, possivelmente tenho um parafuso a menos - mas juro que sou legal. Ou não.more?

Stay in touch


Follow

Unspoken Words

Past Tense

Stay a little longer

 
Hishoku no Sora
Google Chrome | 1366x768


Kyu is back: new layout!

Saudações leitores! Que tal começar as férias com roupa nova no blog, hã?
Já faz uns tempos que eu estava querendo fazer algo aqui no blog, mas eu ainda estava ok com o layout anterior (que fez mais sucesso que o esperado, diga-se de passagem). Mas eu acho que estava precisando de alguma coisa mais brilhante e colorida, então resolvi trazer meu queridíssimo Kyuhyun de volta ♥ 
No geral eu não costumo fazer layouts com pessoas, mas vejam bem, é difícil pra mim resistir ao charme do Kyu. ºwº Pra quem não conhece, esse rapaz charmoso, com um sorriso lindo, é o Cho Kyuhyun do Super Junior - e esse layout foi feito logo na época em que viciei no grupo, então ele é todo lindo e especial! Pra complementar, a música da vez é No Other - que, é claro, é do SuJu. O mv dela tem toda uma vibe romântica e flower boy, digamos assim. Deem só uma olhada!


Uma fofura sem tamanho, vamos combinar ♥
Por hora é só isso, galera. Sei que não tem acho que nem dois dias que eu postei, mas vejam bem, eu queria começar minhas férias com tudo - agosto agora é passado, o semestre agora é passado, meus dias de sofrência- é, não, eu ainda tenho alguns desses pela frente. Mas quem liga?! FÉRIAS HAS COME! Pra já comemorar, hoje tenho uma festinha do pijama com as amigas - é, todas temos de 22 pra cima, mas nada como curtir filmes, comida e RuPaul Drag's Race com as amigas até o sol raiar, não é mesmo? ♥ Então, comemoremos, queridos leitores!
Beijinhos pra todos vocês, e até a próxima!  

Marcadores: , ,


By Shana • sábado, 29 de agosto de 2015 • 16 ComentáriosLink to this post

5 Figuras Históricas Favoritas

Cá estamos nós de novo, com mais uma Blogagem Coletiva do Círculo Secreto das bruxas Blogueiras. O tema desse mês são as 5 figuras históricas que eu mais gosto - e confesso que é um tema ingrato, porque eu adoro mil e uma figuras históricas e nunca pesquisei a fundo sobre nenhuma delas. Mas as bruxas do Círculo são soberanas e sábias, e se os rituais dizem que eu devo selecionar 5 pessoas da história do mundo em uma lista, selecioná-las eu devo. Pensei bastante e confesso (hoje é um dia para confissões, eu heim) que não fiquei plenamente satisfeita com minha seleção, but: é o que temos pra hoje, então me acompanhem.
Continue Lendo »

Marcadores: , , ,


By Shana • quinta-feira, 27 de agosto de 2015 • 8 ComentáriosLink to this post

Sinto cheiro de férias
Tô sentindo gente.
Tá chegando perto.
É CHEIRO DE FÉRIAS!
Tô super emocionada aqui, querendo loucamente que esse mês acabe de uma vez por todas. Nunca gostei tanto de setembro na minha vida toda, que mês lindo, que mês amado, que mês esperado, chega logo setembro pelamordedeus!


Com a graça divina de Odin, o glorioso, meu semestre tá realmente chegando ao fim (parece até mentira, mas é sério gente, tá acabando mesmo, sem greve, sem enrolation). Tô bem feliz porque eu passei em todas as disciplinas, inclusive naquela que eu estava morrendo de medo da prova - que pasmem, eu consegui tirar 8,5! Eu juro que foram tantas emoções dentro de mim que me senti quase em choque, tava orando pra tirar pelo menos um 3 e não derrubar tanto assim minha média. Agradeço muito os comentários fofos que todos vocês, leitores queridos, deixaram por aqui. O apoio moral não foi em vão!
O que eu tenho feito desde então consiste em ler trocentos mil mangás, assistir loucamente o canal do JohnGamer (que eu já estou amando muito), ouvir repetidamente o novo álbum do Wonder Girls, Reboot, e dormir em horários bizarros - coisa que está atrapalhando muito a minha rotina, mas faltam duas semanas pra eu estar na casa dos meus pais fazendo nada, então quem liga? Hoje vai rolar a confraternização do estágio (melhor estágio, cada dia mais me sinto realizada em ter feito essa escolha!) e na próxima semana rolam as fextinhas de encerramento do semestre com os amigos, porque a gente merece festejar horrores depois de tanto sofrimento.
Uma outra coisa muito bacana que aconteceu é que o Hishoku recebeu o 1º Lugar num concurso! Gente, é pra aplaudir de pé, é pra comemorar sem limites, olha que coisa mais linda!


Ainda ganhei essa plaquinha aqui, que reconhece minha organização embora eu seja uma preguiça-humanóide (e eu estou ok com essa ideia, poque preguiças são fofas) e esses icons super fofos! É pra estar animada mesmo leitores, nem vou esconder minha agitação.
De resto, meus dias tem passados numa correria meio maluca, porque houveram vários eventos na faculdade e, como eu disse, estou dormindo nos horários mais bizarros possíveis, o que torna meus dias bem loucos mesmo. Mas quem está ligando? Minhas férias estão tão pertinho que eu consigo vê-las até sem óculos - e eu só enxergo até cerca de 40cm sem óculos. Nossa, de verdade, tô meio em êxtase, que loucura!
Por fim, o post de hoje era só pra dizer que eu estou viva, curtindo minha ociosidade e, de novo, contar pra todo mundo que eu tirei 8,5 naquela prova do inferno (sério, ainda não estou acreditando. Eu até fotografei minha nota pra ter certeza). Na próxima semana tem post sucesso pra vocês e muitas surpresas estão por vir, MUAHAHAHA, me aguardem gente.
TO QUASE DE FÉRIAS GENTE! #SURTEMOS

Marcadores: , , ,


By Shana • sábado, 22 de agosto de 2015 • 10 ComentáriosLink to this post

Meme: complete as frases
Gente, falem sério: estar em sintonia com as pessoas é uma verdadeira dádiva. Ontem eu tava aqui, pensando no que postar, quando me deparei com um post da queridíssima da Thay que, me poupando o trabalho, me indicou pra um meme super divertido! Tô tão na vibe - já que minhas provas acabaram e posso reinar novamente na blogosfera, MUAHAHAHAHA - que decidi já responder de pronto - na cara de vocês, pessoas que ficam aí espalhando que eu demoro pra responder memes *cof*Hinata*cof*, olha aí a minha velocidade avassaladora!
Mas enfim, vamos em frente, vamos em frente. 

Regras:
– Completar todas as frases;
– Repassar para 10 blogs e avisá-los;
– Marcar na postagem quem te marcou;
– Comente com o link de suas respostas.

Sou muito preguiçosa. Já deixei de fazer tanta coisa por conta da minha preguicite aguda que às vezes acho que não tenho solução. Mas recentemente eu andei vendo umas fotos fofinhas de Bichos-Preguiça, então acho que ser preguiçosa é até meio charmoso - qual a relação entre as duas coisas, eu não faço a mínima ideia.

Não suporto moscas. Puta, que bicho mais insuportável, desnecessário e nossa, nossa, nem vou continuar opinando pra não soltar os cachorros aqui (só pra constar que onde moro tem muitas, e eu acabei de matar quatro delas).

Eu já briguei por cada coisa estúpida que nem valeria a pena contar. Recentemente o que mais é motivo de briga na minha vida é algo relacionado à faculdade, argh.

Quando criança eu era muito mimada. Claro, todos os adultos adoram uma pirralha de cabelo encaracoladinho, vestida como boneca de porcelana (mamãe sempre teve um senso de moda meio lolitoso) toda metida a inteligente, desinibida que conversava com todo mundo. Mas putz, quando eu lembro de algumas coisas que falava e fazia, eu juro que quero cavar um buraco e me esconder nele - mas só ter um daqueles flashes do MIB já estava de bom tamanho.

Nesse exato momento estou enrolando pra tomar banho e ir pra um evento na faculdade, basicamente porque estou ouvindo uma musiquinha muito gostosa do soundtrack de Pandora Hearts e quero ficar aqui sentada na cama ouvindo-a pra sempre ♥ Tá me trazendo uma sensação indescritível, super gostosa!

Eu morro de medo de fazer exame de sangue. Já citei isso em mil outros memes, mas acho que o único medo que realmente me apavora e perdurou até agora na minha vida, desde os meus 3 ou 4 anos, é esse. E é literalmente um "morrer de medo", eu entro num estado de pânico que me dá pena de mim mesma, e isso me traz uma série de complicações práticas na vida - tipo fazer check up, coisa que eu to adiando na minha vida faz um bom tempo. Antes morrer sem saber a causa do que fazer um hemograma, cruzes.

Eu sempre gostei de desenhar. Eu nem sei se sou verdadeiramente boa nisso - mas admito que desenho melhor que a maioria das pessoas. Mas desenhar é algo que está comigo desde criança, e mesmo que eu tenha dedicado cada vez menos tempo nisso, eu rabisco, rascunho e brinco com as formas o tempo inteiro. Até nas notas da faculdade sempre tem um desenho aqui, outro acolá, vide provas gráficas:


Se eu pudesse eu dormiria por semanas inteiras seguidas. Putz, como eu adoro dormir.

Fico feliz quando o dia está nublado. Sol e calor pra mim é sinônimo de mal-estar, enxaqueca e possíveis desmaios, então acordar com chuva, com céu cinza, e ter de sair de casa com um casaquinho é uma felicidade sem tamanho pra mim. De verdade, eu não consigo explicar, mas eu sinto aquela "felicidade nas pequenas coisas da vida" reverberando no meu ser ♥ é muito amor!

Se pudesse voltar no tempo eu ia muito visitar a Inglaterra durante a Era Vitoriana. Eu sou fascinada por tudo nessa época (embora eu não sei se ia querer morar lá, porque eu gosto do muito prático e tecnológico século XXI), e eu queria muito ver de pertinho as vestimentas, os costumes, as conversas diárias e o Crystal Palace, que eu só posso imaginar como era. E se não for pedir demais, eu queria muito, muito mesmo ver as sociedades Mesopotâmicas, o antigo Egito, tudo isso é tão fascinante ;w; os livros de história não foram o suficiente pra mim!

Adoro ouvir música, porque me traz várias sensações, pensamentos, sentimentos. É uma experiência incrível pra mim, eu não saberia descrever isso bem.

Quero muito viajar para a Europa, porque tem várias cidades que eu quero conhecer por lá - e parece que estando lá dentro, você consegue passear melhor por vários países. Ultimamente eu ando numa vontade muito louca de visitar a Alemanha em especial.

Eu preciso de férias. Todo mundo já sabe.

Não gosto de ver filmes de terror. Saim de mim. E baratas, odeio ver baratas, SAIAM DE MIM!


Faz um tempo que eu não faço um meme que peça tantas indicações, então vamos ver... dessa vez fico com Maria, Mie, Monica, Snow, Ren, Mila, Fernanda, Vick, Tenie e Hinata! Espero que não seja penoso pra nenhuma de vocês - bom, vocês podem sempre não-responder o meme, e pronto, hahaha! Beijinhos e até a próxima, queridos leitores o/

Marcadores: ,


By Shana • quinta-feira, 13 de agosto de 2015 • 12 ComentáriosLink to this post

Por que diabos eu faço faculdade?
Não me entendam mal. Eu absolutamente adoro Psicologia, e não saberia por esse amor em palavras! Especialmente, eu amo a vertente psicanalítica (Freud ♥), mas às vezes eu acho que adoro tudo nesse curso: eu adoro ir às minhas supervisões e tirar dúvidas, adoro aprender novos conceitos, adoro debates teóricos ou de questões do dia-a-dia que envolvam a psicologia, adoro ir às aulas e me perceber construindo conhecimento de mais alguma coisa, adoro fazer seminários...
Mas putz, eu odeio estudar.
Na época da escola, eu nunca precisei estudar (com exceção de matemática, por motivos de: não entendo). O máximo que eu fazia era reler minhas anotações um dia antes das provas ou durante o intervalo das aulas. Às vezes, eu descobria que tínhamos prova quando chegava na sala de aula, ao ver meus amigos estudando em desespero. Sempre fui inteligente, aprendi fácil e, consequentemente, muito desligada quanto aos estudos - com exceção de matemática, só pra ficar bem claro.
Eu aprendi a estudar - sentar a bunda na cadeira, ler livros e tentar absorver algo - no cursinho. Ainda assim, num geral eu só lia e grifava as apostilas em cores múltiplas, tomava notas das aulas e pra praticar, pegava provas de vestibulares antigos e resolvia as questões com um grupo de amigos. Estudar, na minha vida, nunca foi sinônimo de aprender, e eu sempre levei isso muito tranquilamente. Sempre pesquisei o que queria aprofundar sozinha, sempre tirei dúvidas e conversei com professores fora do horário de aula (ou após terminar as lições) pra matar curiosidades ou aprender as coisas melhor. Aprendi inglês sozinha, traduzindo músicas, e o pouco de gramática que eu sei foi tirando dúvida com professores em aula.
Até os 18 anos, eu sempre adorei ler. Vale lembrar que eu lia mais de dois livros num mês e que no cursinho, enquanto as pessoas estavam se matando de estudar, eu estava lendo Werther (é, o do Goethe) porque o professor de literatura citou em aula e eu fiquei curiosa pela história que levou vários jovens ao suicídio. Então quando as pessoas diziam que a faculdade era difícil, que tiravam notas baixas, que tinham que ler muitas coisas, eu nunca vi isso como um problema.
Hoje, na faculdade, eu percebo que nunca vi nada disso como problema porque nunca precisei fazer tais coisas. Não precisei estudar pra tirar boas notas. Não precisava prestar contas do que fazia com minhas aventuras de pesquisa e aprendizagem. Não tinha que ler mais do que dois livros num mês. Muito menos 11 textos em dois dias - a exata situação na qual me encontro nesse momento. E adivinhem o que estou fazendo? Post no blog, é claro, porque como citei no início, eu odeio estudar. Eu sinto a importância de ler todos esses textos, fazer todos esses resumos e trabalhos científicos, escrever artigos, elaborar seminários e provas e afins, mas entendam: não é pra mim. E quando as pessoas me perguntam se eu não vou fazer mestrado porque "puxa, mas você escreve tão bem, e o mestrado é tão bom", eu sorrio por fora, mas por dentro questiono a sanidade mental desses indivíduos. Prolongar minha estadia na universidade, ainda que seja "só uma vez por semana", é minha definição de inferno.
Por que eu me enfiei na faculdade? Só pra ter um diploma? Pra alcançar meu objetivo de ser psicóloga? Ou será que eu só não tinha ideia do quão chato seria? Putz. Às vezes me pergunto tudo isso e me sinto idiota, improdutiva, porque os colegas citam aqueles autores famosos e clássicos em aula e eu aqui, chorando sangue pra ler os textos da prova de terça-feira, na qual eu já sinto que vou ir mal. E depois que chegam as notas e eu não tenho nada abaixo de 8, eu me pergunto: por que eu fico tão frustrada e estressada? E sabem qual o pior? É que eu levo a faculdade "nas coxas", quase na mesma vibe da época da escola - estudando em cima da hora, não lendo todos os textos, respondendo provas direto à caneta e em 15min porque tenho certeza de que não vou precisar pensar muito pra colocar o pouco que sei e entendi na folha - e, no fim, eu sempre fico entre os alunos mais bem classificados da turma.
Ah, eu só queria uma vez ter essa disposição de ler texto e estudar que os outros têm...

Marcadores: , ,


By Shana • sexta-feira, 7 de agosto de 2015 • 10 ComentáriosLink to this post


«older newer»